História

 

 

 

Um município não se desenvolve de um momento para outro. Para se desenvolver, torna-se necessário o trabalho de seus habitantes durante muitos anos.

O povoado de Massapê começou a se desenvolver com a passagem da estrada de ferro, ligando Sobral a Comocim há mais de cem anos atrás. Moradores das terras vizinhas e dezenas de cearenses que voltaram ricos da Amazônia (onde tinham ido explorar a borracha), estabeleceram-se aqui e foram construindo casas residências e comerciais.
Em pouco anos, o povoado foi transformado em município com o nome de Vila da Serra Verde, sendo que dois anos depois voltou a se chamar Massapê por força da vontade da população.

Formação Administrativa
Distrito criado com a denominação de Serra Verde, pelo ato provincial de 04-02-1882 e ato provincial de 04-02-1882, subordinado ao município de Santana.
Elevado à categoria de vila com a denominação de Serra Verde, pela lei estadual nº 398, de 25-09-1897, desmembrado de Santana. Sede no núcleo de Massapê. Constituído do distrito sede. Instalado em 05-02-1898.
Pela lei estadual nº 540, de 10-08-1899, a vila de Serra Verde passou a denominar-se Massapê.
Em divisão administrativa referente ao ano de 1911, a vila já denominada Massapê é constituído do distrito sede.
Elevado a condição de cidade, com a denominação de Massapê, pela lei estadual nº 1408, de 27-08-1917.
Pelo decreto nº 193, de 20-05-1931, o município de Massapê adquiriu o extinto município de Palma, como simples distrito.
Pelo decreto estadual nº 1156, de 04-12-1933, são criados os distritos de Acarau-Mirim, Pitombeiras e Remédio e anexados ao município de Massapê.
Em divisão administrativa referente ao ano de 1933, o município aparece constituído de 6 distritos: Massapê, Acarau-Mirim, Palma, Pitombeiras, Remédios e São José dos Alcantaras.
Pelo decreto estadual nº 192, de 20-09-1935, desmembra do município de Massapê o distrito de Palma. Elevado à categoria de município.
Em divisões territoriais datadas de 31-XII-1936 e 31-XII-1937, o município é constituído de 5 distritos: Massapê, Acarau-mirim, Pitombeiras, Remédios e São José dos Alcantaras.
Pelo decreto-lei estadual nº 448, de 20-12-1938, o distrito de São José dos Alcantaras passou a denominar-se simplesmente Alcântara, Pitombeiras a denenominar-se Senador Sá e Acarau-Mirim a denominar-se simplesmente Mirim.
No quadro fixado para vigorar no período de 1939-1943, o município é constituído de 5 distritos: Massapê, Alcântaras ex-São José dos Alcantaras, Mirim ex-Acarau-Mirim, Remédio e Senador Sá ex-Pitombeiras.
Pelo decreto-lei estadual nº 1114, de 30-12-1943, o município é constituído de 5 distritos: Massapê, Alcântaras ex-São José dos Alcântaras, Mirim ex-Acarau-Mirim, Remédios e Senador Sá ex-Pitombeiras.
Pelo decreto-lei estadual nº 1114, de 30-12-1943, o distrito de Remédio passou a denominar-se Tuínas e o distrito de Mirim a denominar-se Ipaguaçu.
Em divisão territorial datada de 1-VII-1950, o município é constituído de 5 distritos: Massapê, Ipaguaçu ex-Mirim, Senador Sá e Tuína ex-Remédios.
Pela lei estadual nº 1153, de 20-11-1951, desmembra o município de Massapê o distrito de Alcantaras. Para formar o novo município de Meruoca e o distrito de Ipaguaçu é extinto, sendo seu território anexado ao distrito sede de Massapê. Sob a mesma lei acima citado é criado o distrito de Padre Linhares ex-povoado e anexado ao município de Massapê.
Em divisão territorial datada de 1-VII-1955, o município é constituído de 4 distritos: Massapê, Padre Linhares, Senador Sá e Tuína.
Pela lei estadual nº 3763, de 23-08-1957, desmembra do município de Massapê o distrito de Senador Sá. Elevado categoria de município.
Pela lei estadual nº 3923, de 25-11-1957, é criado o distrito de Aiuá ao município de Massapê.
Em divisão territorial datada de 1-VII-1960, o município é constituído de 4 distritos: Massapê, Aiuá, Padre Linhares e Tuína.
Pela lei estadual nº 6802, de 25-11-1963, é criado o distrito de Mumbaba e anexado ao município de Massapê.
Pela lei estadual nº 6889, de 13-12-1963, desmembra do município de Massapê o distrito de Padre Linhares. Elevado à categoria de município.
Em divisão territorial datada de 31-XII-1963, o município é constituído de 4 distritos: Massapê, Aiuá, Mumbaba e Tuína.
Pela lei estadual nº 8339, de 14-12-1965, o município de Massapê adquiriu o extinto município de Padre Linhares, como simples distrito.
Em divisão territorial datada de 31-XII-1968, o município é constituído de 5 distritos: Massapê, Aiuá, Mumbaba , Padre Linhares e Tuína.
Assim permanecendo em divisão territorial datada de 18-VIII-1988.
Pela lei municipal nº 279, de 07-04-1991, é criado o distrito de Tangente e anexado ao município de Massapê.
Pela lei municipal nº 293, de 21-10-1991, é criado o distrito de Ipaguaçu e anexado ao município de Massapê
Em divisão territorial datada de 31-VI-1995, o município é constituído de 7 distritos: Massapê, Aiuá, Ipaguacu, Mumbaba, Padre Linhares, Tangente e Tuína.
Assim permanecendo em divisão territorial datada de 2005.
Alteração toponímica municipal
Serra Verde para Massapê alterado, pela lei estadual nº 549, de 10-08-1899.
Gentílico: maranguapense
Fonte: Biblioteca IBGE